EM DESTAQUE:

MODA: {EcoFashion} Shaire é lançada e chancela produtos com carbono retirado de fontes poluentes

Imagem
Protótipos de óculos desenvolvidos pela Wiit são os primeiros produtos a levarem a marca Shaire

Durante a Brasil Eco Fashion Week, evento anual que celebra a moda sustentável brasileira ocorrido de 15 a 17 de novembro, foi lançada a Shaire. A marca brasileira é uma iniciativa que visa apoiar tecnologias que retiram o carbono de fontes poluentes e o insere em produtos, além de ampliar a sensibilização sobre seu valor agregado (ambiental e financeiro) e sua importância para a atenuação das mudanças climáticas.
Na primeira linha de protótipos de produtos que levam a sua marca e que foram desenvolvidos por empresas parceiras, há o uso de tecnologia que captura o dióxido de carbono de fontes emissoras e transforma suas moléculas para se obter o carbono sólido, permitindo que este elemento seja utilizado na composição de produtos diversos.
O lançamento conceitual da Shaire na Eco Fashion se concretizou em dois protótipos: óculos desenvolvidos pela empres…

BELEZA: Pilates ajuda a aliviar dores crônicas


Atividade física colabora no alívio de alguns sintomas de dores oriundas de doenças como artrite, artrose, fibromialgia, além das provocadas por problemas na coluna, entre outras e ainda auxilia a vencer o medo de sentir a dor



A dor é uma resposta de defesa do organismo contra possíveis danos, mas ela também pode funcionar de maneira errada caracterizando uma doença: a dor crônica. Esse tipo de dor pode se manifestar de várias maneiras e permanece por um tempo indeterminado ou até pela vida toda, dependendo do nível da doença e de vários fatores, inclusive de cunho emocional. Para amenizar os efeitos das dores, profissionais da saúde indicam a prática de Pilates, principalmente para os que sofrem de artrite, artrose, fibromialgia, além das dores nas costas, enxaqueca, entre outras doenças.


A fisioterapeuta e professora de Pilates, de Ribeirão Preto (SP), Fernanda Affonso, explica que as mulheres são mais suscetíveis às dores crônicas. "O fator hormonal no público feminino contribui bastante". Fernanda também alerta que o uso de salto alto, a chegada da menopausa e a falta dos hormônios protetores dos ossos podem propiciar a chegada da dor nas mulheres. "É importante tratar a dor crônica, pois ela pode gerar queda na qualidade de vida, depressão, irritabilidade, baixa produtividade no trabalho, entre outros problemas que comprometem a qualidade de vida e o bem-estar", destaca.


A fisioterapeuta alerta que os exercícios físicos orientados são essenciais para quem sofre do problema. Segundo ela, já está comprovado cientificamente que o movimento é um dos melhores remédios para as dores, pois liberam endorfinas. Outro fator benéfico é que a movimentação articular e óssea geram no cérebro um efeito analgésico. "O Pilates é bastante indicado para quem sofre com dores crônicas, pois é um exercício de baixo impacto. Com ele, é possível trabalhar diversos grupos musculares através do fortalecimento, alongamento, mobilidade de coluna, respiração, além da postura, o que ajuda na diminuição da dor", explica.


A prática do Pilates também é mais eficaz pois as aulas são individuais e direcionadas de acordo com o nível de dor cada aluno. Desta forma, o professor orienta os exercícios mais adequados conforme as necessidades apresentadas. "Atividade física é sempre bem-vinda. O Pilates tem um método muito amplo e fortalece os músculos do abdômen e dorsais, ajudando nas dores como um todo", acrescenta.


Além disso, o Pilates também estrutura a respiração – principal técnica utilizada no método – e quando bem feita, aumenta a circulação e ajuda no relaxamento dos músculos, auxiliando as tensões e consequentemente diminuindo as dores. "A prática também colabora na liberação de neurotransmissores do bem-estar, que vão ajudar neste processo", destaca.


Para esse público, a fisioterapeuta indica a prática do Pilates, no mínimo, duas a três vezes por semana. "O tempo para sentir uma possível melhora pode variar de caso para caso, mas após um mês já é possível notar os resultados positivos no controle das dores".


As dores no Brasil - A dor crônica atinge 35% da população, tendo a região sul com a maior concentração da doença por habitantes, em 42%. E a região centro-oeste com a menor porcentagem, com 24%. Já, a região sudeste, aparece na vice colocação com 38%.

Siga @MarcosGomesBr

AS MAIS ACESSADAS DA SEMANA:

MODA: T JAMA, muito mais do que pijama, é um estilo de vida!

MODA: T Jama arma meeting pré lançamento

TURISMO: Black Friday na Blue Tree Hotels, diárias e pacotes com até 25% de desconto

MODA - O charme da estampa print na coleção de inverno da Parizi Jeans

MODA: Michael Kors inova relógio Best-seller Runway com mostrador laranja e vidro furta cor

DECORAÇÃO: Kitchens participa da Casa Cor São Paulo

DECORAÇÃO: Mostra Kids Concept Decor - 9 inspirações para espaços infantis

Moda com seda de aranhas

MODA: It Beach apresenta nova linha de sapatilhas Strass Paris Lolitta para o verão 2015

MODA: Novidade que vem da Coréia, Detergente em folhas para lavar roupa chega ao Brasil