GASTRONOMIA: Carne suína é destaque de festival em Belo Horizonte

Divulgação

A carne suína é o carro chefe do Circuito Aproxima deste ano, um dos mais tradicionais festivais gastronômicos de Belo Horizonte (MG). Durante o evento, que teve início no dia 17 junho e segue até 10 de julho, 42 dos melhores e mais renomados restaurantes da cidade terão em seus menus pratos exclusivos à base da proteína. A inciativa é resultado do esforço da Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (Asemg), afiliada da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) no estado.

Além do festival gastronômico, um dos destaques do Circuito é a arte urbana. Estatuetas estilizadas de animais, feitas com rejeitos da barragem de Mariana, ganharam os pontos turísticos de BH. O material foi produzido por importantes nomes da cena artística de Minas Gerais.
           
Segundo Sabrina Cardoso, gerente executiva da Asemg, a escolha da carne como ingrediente principal do Circuito foi uma vitória. “O Circuito Aproxima é um festival conhecido e esperado pelos mineiros, assim fazer com que a nossa proteína seja a estrela do evento foi motivo de muita alegria. Conseguiremos chamar a atenção de um público formador de opinião para a diversidade de cortes suínos existentes e mostrar que além de saborosa e tradicional, ela pode ser bastante gourmetizada”, afirma.
           
Para informar os consumidores sobre a qualidade e os benefícios da carne suína produzida no Brasil, a ação também conta com um material informativo que foi encartado nos cerca de 40 mil guias que divulgam o evento. Nele é possível saber sobre a evolução da suinocultura brasileira e a saudabilidade da proteína, com destaque para o seu alto valor nutricional.
           
Entre os pratos que serão destaque durante o Circuito Aproxima estão sanduíches, massas, joelho, torresmo, pernil, filé mignon, carré e até sorvete de bacon, dentre outras opções, que demonstram toda a versatilidade e o sabor do suíno. O Circuito Aproxima também conta com o apoio da Associação dos Suinocultores do Vale do Piranga (Assuvap), Sindicato Intermunicipal das Indústrias de Carnes e Derivados de Minas Gerais (Sinduscarne), da Associação de Frigoríficos de Minas Gerais, Espírito Santo e Distrito Federal (Afrig) e do Frigorífico Saudali.
          
Antônio Ferraz, presidente da Asemg, acredita que união de entidades mineiras ligadas ao setor também foi uma conquista. “Asemg, Afrig, Sinduscarne, Saudali e Assuvap se uniram para tornar possível a realização do festival e esta relação entre as entidades mostra que a mobilização de institutos parceiros, como os nossos, só tem a agregar ao setor. Está sendo uma oportunidade de aumentarmos o consumo e de mostrarmos ao nosso público consumidor o interesse de nossas entidades em proporcionar aos mesmos gastronomia de alta performance”, comenta.
          
Para Lívia Machado, coordenadora do Projeto Nacional de Desenvolvimento da Suinocultura (PNDS), a presença da carne suína no Circuito Aproxima surge como um importante elo entre a cadeia produtiva e o consumidor. “São ações assertivas como essa que nos aproximam do grande público e corroboram para o aumento do consumo e da aceitação no mercado interno. Parabenizo a Asemg e seus parceiros por mais essa iniciativa de sucesso em prol do desenvolvimento da suinocultura mineira”, diz.

Fonte: ABCS

Destaques da Semana:

DECORAÇÃO: Irmãos Fahrer lançam a Empório Fahrer

GASTRONOMIA: Barbosa & Marques indica queijos para preparar sanduíches

GASTRONOMIA: Esporão Reserva é destaque ´Double Gold´ no SAKURA AWARDS, no Japão