MODA: Comércio no setor precisa se reinventar para driblar dificuldades

Com o atual cenário de crise no país, o mercado tem buscado novas ferramentas para se manter e descobrir novas possibilidades para seu negócio. Foto: Divulgação

A crise econômica vivida em 2015 por todos os brasileiros afeta também o varejo. De acordo com dados da CDLS (câmara de dirigentes lojistas) o setor teve agora em outubro o pior Dia das Crianças desde 2006. Assim, a queda nas vendas deve ser contínua, além da diminuição de 30% de empregos temporários até o final do ano.

Para a consultora em negócios de moda Leanda Livia, o momento é crítico e deve permanecer assim até a chegada de 2016. "A Confederação Nacional do Comércio (CNC) divulgou que o número de estabelecimentos comerciais caiu 5,6% no país, enquanto os pedidos de falência tiveram sua maior alta desde 2005. É um cenário muito complicado", revela.

Segundo a especialista, grande parte das empresas atingidas são do ramo da moda. "O bairro do Bom Retiro, em São Paulo, já chegou a ter 2200 lojas e teve esse número diminuído para 1600, sendo que pelo menos 100 delas estão sendo fechadas ou vendidas. Já em Ipanema, cerca de 1290 lojas fecharam de acordo com o Sindilojas Rio", afirma ela.

Mas como sobreviver no mercado com essa crise? Leanda Livia revela que a internet é uma ferramenta muito útil e que pode ser aliada dos varejistas. "Muitas lojas de moda estão buscando novas estratégias para fugir da falência e uma dessas fórmulas é utilizar a internet a seu favor. Algumas marcas internacionais presentes no Brasil, como a Prada, estão se rendendo ao e-commerce e essa é uma excelente solução, também, para marcas nacionais. Muitas lojas que fizeram sucesso no mercado carioca, por exemplo, estão diminuindo o número de lojas físicas e migrando para a rede, o que é um progresso em relação a visão de mercado atual.Porém, é necessário ter cuidado, porque, para alguns os gerentes e proprietários de negócios essa ainda é uma ferramenta muito nova e, os mesmos, ainda não dominam o gerenciamento do mercado virtual ", conta.

É nesse contexto que a uCart lança o projeto uCart+business para auxiliar os varejistas. Com um marketplace unificado, as empresas compartilham uma grande vitrine, o que resulta em um fortalecimento de todas as marcas. Para Diego Barbeito, manager do programa, revela que a ideia é oferecer ao comerciante uma estrutura completa para sua loja virtual. "Cada empresa se beneficia muito com sua loja online. O e-commerce não para de crescer, segundo dados da Associação Brasileira de Comércio Online, a estimativa é que 2015 feche com R$49,8 bilhões movimentados pela rede, um crescimento 26% maior em relação ao ano passado", diz.

Além disso, Barbeito também afirma que os smartphones e tablets também fazem parte desse mundo digital e são fundamentais na venda online. "Os dispositivos móveis também são causadores do aumento do comércio digital já que são por meio deles que as pessoas navegam diariamente.”

Já Makinson Agostini, diretor de projetos da Misto de Ideias, afirma que a uCart pretende promover a saúde financeira dos varejistas. "A uCart pretende inovar o mercado unindo a comunicação e a tecnologia. Ou seja, ela promove a modernização do varejo, aumentando sua eficiência ao mesmo tempo que reduz os custos", diz.


Invista na sua carreira

Mas além de tentar sair da crise pela rede, também é importante investir no seu currículo. Por isso, em parceria com a Ucart, o Moda Mundo Circuito Trás ao mercado um projeto diferenciado que visa, não só a consultoria de estilo e imagem, mas a disseminação de conhecimento de moda e beleza aos interessados, estudantes e profissionais da área.

Do dia 13/11 ao dia 21/11, ocorrerá o lançamento do Moda Mundo Circuito em Paris. Contando também com a presença da agência de viagens Total Mixx, as profissionais de moda, Leanda Livia e Isadora Apostolo, oferecerão, por uma semana, um pacote de viagem com o serviço completo de consultoria de imagem, estilo e compras; além de workshops sobre os assuntos de estilo, maquiagem e um breve curso de história da moda.

A cada edição será escolhida uma capital da moda e contará com a presença de blogueiras convidadas, para essa, Bianca Andrade do blog Boca Rosa, e Dani Salvador, do blog Homônimo.

"O moda mundo foi desenvolvido para todos que gostam de moda, estudantes que querem agregar mais conhecimento, pessoas que gostariam de ter uma consultoria exclusiva de imagem e marketing pessoal, e pequenos empresários da área de moda e beleza que buscam experiências diferenciadas e inovadoras. Unindo conhecimento, dicas, diversão e muito mais", afirma Leanda.

Para mais informações, mande um e-mail para modamundocircuito@gmail.com.

Contato: Leanda Lívia, Makinson Agostini e Diego Barbeito
Consultora em negócios de moda, Diretor de Projeto da Misto de Ideias e manager do projeto uCart+business.
21 3073-0319

Destaques da Semana:

DECORAÇÃO: Irmãos Fahrer lançam a Empório Fahrer

GASTRONOMIA: Barbosa & Marques indica queijos para preparar sanduíches

BELEZA: Elimine a pele ressecada causada pelo tempo seco